Um passeio no elétrico 25 - Lisboa Secreta
×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...
Made in L O Que Fazer

Um passeio no elétrico 25

O irmão do 28 é igualmente charmoso — e bem menos concorrido

By Inês Santos Agosto 8, 2019

É muito difícil alcançar a popularidade do elétrico 28, mas a verdade é que há uma alternativa para quem pretende andar neste meio de transporte pelas zonas nobres da cidade. 🚋

As vantagens do elétrico 25 são infindáveis: menos filas, mais espaço dentro do elétrico e a estação terminal é Campo de Ourique — e é sempre tão bom visitar este bairro tão pitoresco e ainda tão familiar.

Para apanhar o 25, basta ir até à Praça da Figueira, mesmo ao lado do Rossio. A viagem até Campo de Ourique demora aproximadamente 30 minutos e o percurso obriga a ter sempre os olhos postos na janela.

Passando pela Praça do Comércio e seguindo pela Rua de São Paulo, o 25 atravessa o bairro de Santos e o bairro da Lapa. Este elétrico consegue subir e descer ruas realmente estreitas, de onde por vezes vislumbramos a ponte 25 de Abril, e por isso é garantido que a viagem será sempre animada.

@davidmarcu

Pelo caminho, há várias paragens apetecíveis: a Praça do Comércio, o Museu Nacional de Arte Antiga (terás de sair na paragem “Santos” e andar uns minutos a pé), a Basílica e o Jardim da Estrela ou a Igreja do Santo Condestável, já em Campo de Ourique.

Se viermos no sentido da Praça da Figueira, a primeira paragem deste elétrico é o Cemitério dos Prazeres – exatamente na mesma paragem do popular 28. De destacar que o elétrico 25 partilha, efetivamente, parte do percurso com o elétrico 28, ambos a circular pela Estrela com destino ao Cemitério dos Prazeres, em Campo de Ourique.

Esta carreira não funciona aos sábados, domingos e feriados e a sua circulação termina às 20h30 (Praça da Figueira > Prazeres) e às 21h (Prazeres > Praça da Figueira).

@welovecampodeourique

Foto de capa: @ddealmeida