×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...
Natureza & Bem-estar O Que Fazer

5 percursos de ciclovias em Lisboa que desconhecias

Valter Leandro Valter Leandro - Editor

5 percursos de ciclovias em Lisboa que desconhecias

A cidade está a apostar, cada vez mais, em vias dedicadas às bicicletas, tornando-a mais sustentável e “amiga” do ambiente. 🚴👏

Não há dúvida que está em marcha um plano para tornar Lisboa mais “desenhada” para as pessoas, seja das que andam a pé como aquelas que escolhem a bicicleta para se deslocarem, para o trabalho ou por puro desporto.

Se dúvidas houvesse, neste documento, sobre a visão estratégica para a mobilidade até 2030, vais encontrar um plano minucioso de como a cidade se transformará durante os próximos anos, sempre com um objetivo muito bem definido: devolver a cidade às pessoas.

@helio-dilolwa

A bicicleta e a forma como pode tornar a cidade mais sustentável

Não há dúvidas que a bicicleta é o meio de transporte energeticamente mais eficiente que existe e, nas cidades, é uma grande mais-valia, desde que existam as condições ideais para a poder utilizar, não só em fiabilidade como, sobretudo, segurança.

Apesar de Lisboa ser conhecida como a cidade das 7 colinas, a verdade é que 73% das ruas são planas ou possuem declives inferiores a 5%, tornando a capital bastante acessível à maioria dos utilizadores deste meio de locomoção.

Não nos devemos esquecer, também, da cada vez maior oferta em bicicletas elétricas, capazes de ajudar nos 27% de subidas mais íngremes que existem um pouco por toda a cidade.

@pelayo-arbues

Posto isto, Lisboa ainda está bastante atrás quando comparada com outras cidades europeias no uso diário da bicicleta. Somos os maiores fabricantes, mas a verdade é que estamos no fundo da lista quando o tema é a usabilidade. 

Esperando que esta estatística se inverta nos próximos tempos, sugerimos que vás experimentando algumas das melhores ciclovias já construídas um pouco por toda a cidade.

Temos a certeza que vais adorar e até, quem sabe, começar a olhar para este meio de transporte com outros olhos.

1 – Cais do Sodré – Belém

Com 7.4 quilómetros de distância, esta ciclovia bidirecional oferece uma vista constante sobre o rio Tejo. É uma das nossas preferidas, sem dúvidas.

Publicidade

@Google Maps

2 – Fábrica do Braço de Prata – Estação de Santa Apolónia

São 4.2 quilómetros que distanciam estes dois pontos em Lisboa, sempre pela marginal e em paralelo à Avenida Infante Dom Henrique, com bastante arvoredo pelo caminho e o rio Tejo mesmo ali ao lado.

@Google Maps

3 – Restauradores – Campo Pequeno

Só a Avenida da Liberdade tem 1.3 quilómetros de extensão, ao qual se junta os 900 metros da Avenida Fonte Pereira de Melo e depois mais os 1.6 quilómetros da Avenida da República, perfazendo quase três quilómetros de ciclovias urbanas por onde podes fugir ao trânsito.

@Google Maps

4 – Parque das Nações – Torre de Belém

Este é o maior percurso em ciclovia que aqui te apresentamos, com 16 quilómetros de extensão, quase sempre à beira do rio e com vistas espetaculares. E lembra-te se o fizeres para lá e para cá, já estás a contar com mais de 30 quilómetros para a tua saúde.

@Google Maps

5 – Benfica – Restaurante Panorâmico de Monsanto

Aqui pedimos-te que subas até Monsanto, mais concretamente ao Restaurante Panorâmico, edifício que foi remodelado e se transformou num miradouro. Agora, depois de umas boas pedaladas, aprecia a vista sobre a cidade.

@Google Maps

De vez em quando também aproveitamos para fazer os nossos passeios pelas ciclovias lisboetas. Este foi um dos últimos. Foi espetacular!

Para conheceres toda a rede ciclável da cidade, ou outros percursos, podes pesquisar no site da Câmara Municipal de Lisboa ou em ciclovias.pt.

Foto de capa: @alex-paganelli