Os melhores sítios de Lisboa para comer caracóis

5 casas onde o caracol é rei

Há quem fique agoniado só de pensar num caracol a passar-lhe pela goela e quem seja capaz de comê-los todos os dias, de preferência numa esplanada, com uma cerveja fresquinha ao lado. Se for o teu caso, (re)descobre aqui uma mão cheia de locais obrigatórios na capital. Há caracol? Então há petisco pela tarde fora.

Filho do Júlio dos Caracóis – Marvila

Ainda Marvila não estava na moda e já esta casa levava autênticas “excursões” ao bairro. Um clássico lisboeta, onde podemos contar com atendimento simpático, excelentes caracóis e ambiente castiço. Quem não gostar deste pitéu não tem de ficar de fora, porque aqui também servem outros petiscos, como pica-pau.

Morada: Rua Vale Formoso de Cima, 140B (Marvila)

Pomar de Alvalade – Alvalade

Fundada em 1959, é outra casa que já existe na rota dos caracóis há vários anos. Enquanto o tempo estiver mais farrusco, os caracóis começam a ser servidos às 17h00, mas assim que o calor apertar passam a chegar à mesa um pouco mais cedo, entre as 15h30 e as 16h30. Amêijoa, conquilha, moelas e pica-pau são outras das especialidades deste espaço.

Morada: Rua Marquesa Alorna, 21 (Alvalade)

Foto: @Pomar-De-Alvalade-Restaurant

Casa dos Caracóis – Campolide

Até os caracóis já chegaram ao take-away. Aqui, é chegar, pedir a quantidade que quiseres (até há baldes) e ir fazer um piquenique caracolante onde quiseres. O Parque de Monsanto ou o Jardim da Amnistia Internacional ali mesmo ao lado são a opção mais rápida, mas qualquer quintal, terraço ou mesmo varanda são sempre uma boa opção. Com as cervejas fresquinhas no frigorífico e os palitos do armário é sempre a aviar. Venham de lá esses caracóis.

Morada: Rua de Campolide, 370

Foto: Nelson Jerónimo Rodrigues

O Pedrouços – Doca de Belém

Aqui, vais deliciar-te com a comida, mas também com as vistas para o Tejo, ali mesmo ao lado. Caracóis acabadinhos de fazer para comer à beira rio, não precisamos de mais nada, pois não?

Morada: Doca de Belém

Foto: @Restaurante-O-Pedrouços

Ginjinha de Campolide

A bandeira do Benfica hasteada em dias de jogo e os caracóis já são uma imagem de marca desta casa de Campolide. Enquanto o tempo não puxar por eles, são servidos de sexta a domingo e ao fim de semana, mas depois passa a haver todos os dias.

Morada: Rua Dom Carlos de Mascarenhas, 11 (Campolide)

Foto: Nelson Jerónimo Rodrigues

Foto de capa: @inesduhautbourg

(Visited 3,523 times, 1 visits today)

Tags:

';return t.replace("ID",e)+a}function lazyLoadYoutubeIframe(){var e=document.createElement("iframe"),t="https://www.youtube.com/embed/ID?autoplay=1";t+=0===this.dataset.query.length?'':'&'+this.dataset.query;e.setAttribute("src",t.replace("ID",this.dataset.id)),e.setAttribute("frameborder","0"),e.setAttribute("allowfullscreen","1"),this.parentNode.replaceChild(e,this)}document.addEventListener("DOMContentLoaded",function(){var e,t,a=document.getElementsByClassName("rll-youtube-player");for(t=0;t