×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...
Cultura

Afinal, quem é o padroeiro de Lisboa?

Carolina Bessa Carolina Bessa

Afinal, quem é o padroeiro de Lisboa?

Festejamos Santo António, mas sabias que não é ele o padroeiro da cidade? 😅

É verdade! Apesar de muitos alfacinhas acharem que Santo António é o padroeiro de Lisboa, este, na verdade, é São Vicente. Celebra-se a 22 de janeiro e é, desde 1173, o padroeiro oficial da cidade de Lisboa. 

Quem foi São Vicente?

São Vicente foi um mártir espanhol que viveu entre os séculos III e IV. Renunciou adorar os deuses pagãos do Império Romano e abandonar a sua fé e assim se tornou mártir.

Foi, portanto, condenado à morte e, segundo consta, o seu corpo foi protegido dos abutres por um corvo. Mais ainda, o seu corpo terá sido lançado ao mar e depois devolvido pelas marés, pelo foi nesta altura que se começou a falar de “milagre”.

Mais tarde, por volta do século VIII, quando os muçulmanos invadiram a Península Ibérica e transformavam igrejas em mesquitas, os cristãos colocaram o corpo de São Vicente num barco e lançaram-no à deriva no mar, na esperança que isso os salvasse, como um milagre.

O corpo do santo foi dar à costa no Promontório Sacro, Cabo de Sagres, que viria a ser, mais tarde, o Cabo de São Vicente.

@Reiseuhu

Mas qual a relação com Lisboa?

Ora, segundo reza a lenda, a relação com a capital portuguesa manifesta-se apenas no século XII, quando D. Afonso Henriques prometeu recuperar os restos mortais do Santo se conquistasse Lisboa aos muçulmanos.

D. Afonso Henriques conquistou Lisboa em 1147, após um cerco que durou 60 dias. No entanto, e como o Algarve, na altura, ainda se encontrava dominado pelos mouros, e porque não se sabia ao certo onde se encontravam as ossadas, só em 1173 é que foi possível cumprir a promessa.

Depois de encontradas, as ossadas foram transportadas para Lisboa de barco, novamente guardadas por dois corvos. Este é também o motivo pelo qual se vê na bandeira de Lisboa as duas aves.

Publicidade

No dia em que a embarcação chegou a Lisboa, São Vicente tornou-se oficialmente o padroeiro de Lisboa, e isso mantém-se até aos dias de hoje.

Então e Santo António?

Santo António é, digamos, o santo padroeiro segundo a escolha popular.

Também ele lisboeta, sempre foi muito adorado em Lisboa, e em Portugal no geral. É conhecido por ser casamenteiro, e daí os festejos e os Casamentos de Santo António no dia 13 de junho. 

Não apenas pelos casamentos, o povo recorre a este santo pelas mais variadas razões e, por isso, escolheu celebrá-lo durante um mês inteiro, nas conhecidas Festas dos Santos Populares.

@agencia.ecclesia.pt

Foto de capa: flickr.com/Vik2012