Os museus gratuitos de Lisboa, todos os dias - Lisboa Secreta
×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...
O Que Fazer

Os museus gratuitos de Lisboa, todos os dias

By Nelson Rodrigues Abril 3, 2019

Para quê esperar pelos domingos para aproveitar os museus à borla? Depois de procurarmos bem, descobrimos que há pelo menos uma mão cheia de museus em Lisboa onde a entrada é sempre gratuita (exceto nos dias de encerramento, claro).

Ora toma nota da lista e vai até lá as vezes que te apetecer. A carteira pode ficar em casa.

Museu do Dinheiro

Além de estar bem localizado, em plena Baixa lisboeta, e de guardar um espólio (literalmente) valioso, este museu ainda tem outra coisa boa: a entrada é sempre gratuita. Instalado na antiga Igreja de São Julião, fala da história e da evolução do dinheiro através de uma visita interativa.

Cunhar e imprimir moedas ou notas virtuais com a tua cara, ver ao microscópio de que são feitas as notas e tocar numa barra de ouro são algumas das experiências que vais encontrar.
Morada: Largo de São Julião
Horário: Qua-Sáb, das 10h00 às 18h00

Foto: @visitlisboa

Museu Nacional do Desporto

É um dos segredos mais bem guardados da zona dos Restauradores. Quem passa ao lado do Palácio Foz pode até reparar no posto de turismo (Ask Me Lisboa), mas dificilmente imagina que no interior do edifício também existe um museu e ainda por cima gratuito.

Inaugurado em 2012, para comemorar o centenário da participação portuguesa nos Jogos Olímpicos, mostra autênticos tesouros do desporto nacional, como equipamentos oficiais e medalhas, a bota de ouro de Eusébio ou uma camisola amarela de Joaquim Agostinho.

Outra das joias da coroa é a sua belíssima biblioteca, que guarda mais de 60 mil títulos, com destaque para “De Arte Gymnastica, de Hieronymi Mercurialis, considerado o primeiro livro de desporto alguma vez editado (1577).

Morada: Praça dos Restauradores 25, 1250 Lisboa
Horário: Ter-Sáb, das 10h00 às17h30

Foto: www.fpcanoagem.pt

Núcleo Arqueológico da Rua dos Correeiros

Entrando pelo edifício do Millennium bcp chega-se a este sitio arqueológico da Baixa que dá a conhecer mais de 2500 anos da História de Lisboa, desde o período Púnico até ao Pombalino. No local, destacam-se os muitos vestígios romanos ali encontrados, como os tanques de garum (um molho muito apreciado na época), mas também materiais cerâmicos e até parte de uma via romana.

Durante uma visita, poderás observar também a famosa estacaria pombalina e um forno de pão do século XVIII. A entada é gratuita, sujeita a inscrição prévia através do telefone 211 131 004.

Morada: Rua dos Correeiros 21 (Baixa)
Horário: Seg – Sáb, das
10h às 17h (encerra aos domingos e feriados)

Foto: @delisboaparaportugal.blogspot.com

Núcleo Arqueológico da Casa dos Bicos

Poucos sabem que dentro da Casa dos Bicos há um museu totalmente gratuito mas, de facto, este edifício histórico de Lisboa não acolhe apenas a Fundação José Saramago (esta com entrada paga; 3€). No piso térreo está o Núcleo Arqueológico da Casa dos Bicos, integrado nas rede do Museu de Lisboa, que conta ahistória da cidade desde a ocupação romana até ao século XVIII.

Por lá, vais encontrar vestígios romanos (como cetárias), troços da muralha tardo-romana e da muralha medieval, além de objetos recolhidos nas várias campanhas arqueológicas que passaram pelo local, como cachimbos ou vasos.

Morada: Rua dos Bacalhoeiros, 10
Horário: Seg-Sáb 10.00-18.00


Museu da Saúde

Dentro do Hospital dos Capuchos não há um, mas dois museus, e ambos gratuitos. O mais recente é o Museu da Saúde, inaugurado em 2017, no antigo Serviço de Neurocirurgia. Lá dentro, vais encontrar a exposição “800 Anos de Saúde em Portugal”, com mais de 400 peças, como aparelhos de laboratório, equipamentos cirúrgicos ou fotografias. Abre apenas às quartas-feiras (ou nos outros dias mediante marcação previa) e oferece uma visita guiada a todos os que passarem por lá.

Morada: Alameda de Santo António dos Capuchos (Hospital dos Capuchos)
Horário: Qua 10.00-13.00, 14.30-18.00

Foto: @museudasaude

Museu da Dermatologia

Também no Hospital dos Capuchos, podes visitar (apenas às quartas-feiras) um dos museus mais estranhos (e macabros) de Lisboa: o Museu da Dermatologia.

Este, exibe mais de 250 máscaras de cera que revelam de forma bem explicita os efeitos de algumas doenças da pele, como a sífilis ou a tuberculose cutânea.

O realismo da coleção, guardada no Salão Nobre do Hospital dos Capuchos, deve-se ao facto dos moldes terem sido obtidos diretamente dos rostos (e não só) dos doentes. Todas as figuras foram encomendadas à Sociedade das Belas Artes nos anos 30 e 40 do século passado e até os cabelos, os pelos e as pestanas são naturais.

Morada: Hospital de S. António dos Capuchos, Alameda de Santo António dos Capuchos
Horário: Qua, das 14h30 às 18h00

Foto: www.museus.ulisboa.pt


Foto de capa: @museudelisboaEGEAC