Um convento desconhecido às portas do Bairro Alto - Lisboa Secreta
×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...
Arte & Cultura

Um convento desconhecido às portas do Bairro Alto

By Nelson Rodrigues Março 20, 2019

Fica numa das ruas mais movimentadas de Lisboa, mesmo em frente ao famoso miradouro de São Pedro de Alcântara, mas a verdade é que continua a passar ao lado de muitos turistas e locais.

E tu, quando é que pensas descobrir o Convento de São Pedro de Alcântara? Vai até lá mas, antes, revelamos-te alguns segredos deste tesouro bem guardado.

Ainda não estás a ver onde fica? É um belo e discreto edifício branco (antes era cor de rosa), mesmo na curva da Rua de São Pedro de Alcântara (nº 85), a dois passos do restaurante The Decadente. Sim, esse mesmo! Durante séculos manteve-se (quase) inacessível, mas desde 2014 que está aberto a visitas.

Construído no século XVII, nasceu do voto do 1º Marquês de Marialva em ali fundar um convento, se os portugueses vencessem a batalha de Montes Claros (Guerra da Restauração), em 1665.

Dito e feito! Em 1670, o rei autorizou a instalação no local dos franciscanos capuchos, da província da Arrábida.

A joia deste monumento é a Capela dos Lencastres, construída em 1690 e decorada com mármores de várias cores, ao estilo italiano. Já o teto, ostenta frescos da época do brutesco nacional (século XVII). Outra curiosidade: o altar foi dedicado aos mártires de Lisboa: Veríssimo, Máxima e Júlia.

Foto: Nelson jerónimo Rodrigues

Ao lado, fica a Igreja, esta edificada em 1681, onde saltam à vista os belos altares em talha dourada com temas franciscanos, as pinturas joaninas, os painéis de azulejos e o teto, pintado em trompe l’oeil, pelo pintor francês Pierre Bordes, já em 1878.

Em 1883, o Convento de São Pedro de Alcântara foi entregue à Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, por decreto de D. Pedro.

A instituição abriu-o a visitas, livres e guiadas. As primeiras são totalmente gratuitas e as outras (incluem visita à Sacristia e ao Coro-Alto) custam 2,5€.

Conhece aqui os horários:

Outubro – Março
– Segunda-feira: Das 14h00 às 18h00
– Terça a domingo: Das 10h00 às 18h00

Abril – Setembro
– Segunda-feira: das 14h00 às 19h00
– Terça-feira a quarta-feira: das 10h00 às 19h00
– Quinta-feira: das 10h00 às 20h00
– Sexta-feira a domingo: das 10h00 às 19h00

Visitas guiadas
– Sexta-feira – 11h30 (francês); 15h00 (inglês)
– Sábado – 15h00 e 16h30 (português)

Morada: Rua de São Pedro de Alcântara, 85:
Entrada pelo Rua Luísa Todi, 1 (ao Bairro Alto)

Foto de capa: Nelson Jerónimo Rodrigues/Fever