Quando chove em Lisboa... - Lisboa Secreta
×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...
Made in L

Quando chove em Lisboa…

By Inês Santos Outubro 14, 2019

Quando chove em Lisboa, a cidade transforma-se e os dias ganham uma dinâmica muito própria. Aqui estão os 6 pontos que destacamos quando os aguaceiros tomam conta da capital.

1. Os passeios escorregam… muito!

A calçada portuguesa é dona de uma beleza inigualável mas a verdade é que, quando chove, este pavimento pode gerar vários acidentes rocambolescos. Muitos são aqueles que escorregam, outros tantos aqueles que chegam mesmo a cair. Por isso, muito cuidado e nada de correrias!

Foto: olhares.sapo.pt | José António Araújo

2.  Os chapéus-de-chuva viram bens comunitários

Quantas vezes não deixaram já um chapéu-de-chuva à porta de um café ou de uma loja e ele desapareceu misteriosamente? Pois é, nos dias de chuva parece que os chapéus-de-chuva viram bens comunitários e parece, também, que nestes dias a expressão “achado não é roubado” é levada à letra por muita gente. Aqui fica a nossa mensagem para estes ladrões de chapéus-de-chuva: roubar é feio! 😛

Foto: unsplash.com/@noahdavis

3. Chapéu-de-chuva vs. Guarda-chuva

Também é nos dias de chuva que regressa a discussão: mas afinal, diz-se guarda-chuva ou chapéu-de-chuva?! Bem, segundo o dicionário Priberam ambas as opções são válidas por isso parece que a discussão será eterna…

Foto: unsplash.com/@todd_diemer

4. Os turistas andam com semblante carregado

A maioria dos turistas que visita Lisboa acredita que por cá o tempo é sempre ameno e a precipitação é rara. Até pode ser verdade mas, nos dias em que chove, os turistas ficam realmente dececionados e é vê-los a calcorrearem a cidade com um ar triste e desolado. Os turistas mais prevenidos podem ser facilmente identificados pelo uso daquelas capas impermeáveis coloridas que os plastifica da cabeça aos pés.

Foto: @flickr.com/photos/shankaronline

5. As expressões idiomáticas 

Há expressões idiomáticas reservadas apenas para os dias de chuva. Durante o resto do ano nem damos por elas; quando chove, parece que as ouvimos de forma repetitiva em toda a gente, independentemente da idade, classe social ou profissão. “Caiu uma carga de água” e “está a chover a potes” são as mais usadas.

Foto: unsplash.com/@gabrielediwald

6. Trânsito, filas, caos

Se a cidade já é caótica em dias de sol, nos dias de chuva a confusão aumenta exponencialmente. Há mais trânsito, os transportes vão ainda mais cheios, a confusão impera. Nos dias de chuva, há portanto outro marco a assinalar: a taxa de pessoas que chegam atrasadas ao trabalho também aumenta bastante. O nosso conselho é: muita paciência, uma banda sonora que traga paz e tranquilidade e fazer figas para que o sol volte depressa!

Foto: unsplash.com/@nabeelsyed

Foto de capa: @unsplash