×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...
Cultura

O cantor sueco Jay-Jay Johanson volta a encantar Lisboa

Inês Santos Inês Santos

O cantor sueco Jay-Jay Johanson volta a encantar Lisboa

Dia 28 de setembro, o Lisboa ao Vivo (LAV) será palco de um concerto inesquecível. A culpa é do músico sueco Jay-Jay Johanson que vem mostrar ao público lisboeta o seu novo álbum, King Cross, editado em abril. Poesia, magia e experimentação sonora a não perder!

Sábado, dia 28 de setembro, o espaço Lisboa Ao Vivo (LAV) vai receber, pela primeira vez, Jay-Jay Johanson. A última vez que o cantor sueco esteve no nosso país foi em 2017, no âmbito do 20º aniversário do seu álbum de estreia Whiskey. Fez uma pequena digressão por cinco cidades portuguesas e deixou o público português rendido à sua mestria sonora; agora, regressa a Lisboa e promete continuar a afirmar-se como um dos músicos europeus mais talentosos da cena alternativa.

Compra já o teu bilhete a um preço exclusivo!

O concerto no LAV será o momento de apresentar o seu mais recente álbum, King Cross, editado em abril deste ano. Este registo, que é o 10º álbum da sua carreira, faz-nos viajar por universos sonoros tão distintos como a folk, o indie pop, o rock progressivo ou a música eletrónica e a verdade é que ninguém fica indiferente à voz melancólica e meiga de Jay-Jay Johanson. Composto por 12 faixas, este longa duração conta com participações especiais de Robin Guthrie dos Cocteau Twins e a cantora francesa Jeanne Added.

Já consagrado como uma das principais referências da cena indie pop e trip hop europeia (o próprio cantor cita “Dummy” dos Portishead como inspiração maior), o cantor explora agora uma nova fase do seu trajeto musical. O primeiro single de Kings Cross, “Not Time Yet”, revela claramente as novas sonoridade do músico sueco e as inúmeras referências estilísticas que compõem o novo álbum.

No palco do LAV, além do habitual reportório onde reinventa composições jazz com batidas de hip-hop, Jay-Jay Johanson vai apresentar várias novidades sonoras, destacando as suas qualidades vocais e reforçando a sua versatilidade artística.

Publicidade

Não percas este concerto imperdível, emocional e envolvente!

Foto de capa: @