×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...
Notícias

Lisboa Capital Verde Europeia em 2020

By Inês Santos Dezembro 2, 2019

2020 será um ano marcante para Lisboa no campo da ecologia e da sustentabilidade. A nossa cidade será Capital Verde Europeia e as festividades inauguram a 11 de janeiro. Encontros, exposições, seminários, conferências e plantações de árvores fazem parte desta verde, mas madura, programação.

Depois de Oslo ter sido Capital Verde Europeia em 2019, 2020 será o ano em que Lisboa assumirá o título. A distinção foi atribuída a 21 de junho de 2018 mas é apenas em 2020 que a capital se irá encher de atividades que celebram a cidade como espaço sustentável.

A abertura acontece a 10 de janeiro, pelas 15h00, no Parque Eduardo VII, numa cerimónia que visa a passagem de testemunho da capital nórdica para Lisboa com a presença do Presidente da República, do Secretário Geral da ONU e do Presidente da Câmara Municipal de Lisboa.

No dia 12 de janeiro, haverá um momento que pretende unir a comunidade e sensibilizar todos para a preservação do meio ambiente. “Plante uma árvore” é o mote do evento, que visa a plantação de 20 mil árvores em Lisboa: “4000 em Rio Seco (Alto da Ajuda/Ajuda), 6000 parque do Vale da Ameixoeira (Santa Clara), 9000 parque do Vale da Montanha (Areeiro/Marvila) e 1000 corredor verde de Monsanto”. Este momento representará um recorde para a cidade de Lisboa, já que será a maior plantação de sempre de árvores no mesmo dia.

Na primavera, Lisboa será palco do maior evento da Europa para cidades sustentáveis, a The Urban Future Global Conference, que vai reunir os especialistas e “city changers” mundiais mais inspiradores. As efemérides associadas ao ambiente também serão devidamente assinaladas, havendo atividades programadas para o Dia Mundial da Árvore, Dia Internacional de Biodiversidade ou o Dia Europeu dos Parques Naturais.

Foto: unsplash.com/@cobblepot

As mulheres que tenham propostas inovadoras no âmbito do impacto ambiental podem, até 31 de janeiro, participar na 2ª edição do Women4Climate Tech Challenge, um concurso internacional que procura soluções inovadoras, propostas por empresas ou equipas lideradas por mulheres. A ideia vencedora irá poder testar a solução em Lisboa.

A programação é extensa e variada, até porque, segundo Fernando Medina, 2020 será o ano de “mobilizar todos, com tudo o que a câmara pode contribuir, para fazer crescer os projetos sustentáveis, dos maiores aos mais pequenos, e concretizar os compromissos da cidade para 2030”. Podes ir seguindo as atualizações da iniciativa aqui ou consultar todas as atividades da Lisboa Capital Verde Europeia aqui.

Importa referir que é a primeira vez que uma cidade do Sul da Europa é agraciada com este galardão, atribuído pela iniciativa European Green Capital Award da Comissão Europeia.

A nossa cidade foi eleita devido aos esforços notórios que têm sido feitos no campo da sustentabilidade e também devido às esperançosas metas traçadas ainda por alcançar em cinco áreas chave: “Energia, Água, Mobilidade, Resíduos e Infraestrutura Verde e Biodiversidade”.

Foto de capa: unsplash.com/@isagalvezphoto