×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...
O Que Fazer

Lisboa na Rua leva cinema ao zoo, música aos jardins e magia ao virar da esquina. Tudo grátis!

Edição deste ano acontece entre 27 de agosto e 29 de setembro

Nelson Rodrigues Nelson Rodrigues

Lisboa na Rua leva cinema ao zoo, música aos jardins e magia ao virar da esquina. Tudo grátis!

Os jardins, largos, avenidas e outros recantos de Lisboa voltam a transformar-se em autênticos palcos ao ar livre neste final de verão alfacinha. Durante mais de um mês, há dezenas de propostas para (re)descobrires a cidade sem gastares um tostão!

O programa arranca no dia 27 de agosto com o Lisboa Mágica, que traz a Lisboa 15 artistas de todo o mundo, responsáveis por 174 espetáculos numa dúzia de locais. No mesmo dia começa também o FUSO – Anual de Vídeo Arte Internacional, este ano dedicado ao tema sustentabilidade.

Uma das principais novidades da iniciativa é o Bibliófilo, uma biblioteca ao ar livre instalada no jardim do Museu de Lisboa – Palácio Pimenta (Campo Grande), com edições raras e leituras para várias idades. O evento acontece todos os fins de semana de setembro, das 10h00 às 20h00.

Ainda pela literatura, o Jardim do Campo de Santana recebe a comunidade de leitura “Ecotemporâneos”, que ao longo do mês de setembro junta escritores e leitores para recordarem livros marcantes. O primeiro dia terá Dulce Maria Cardoso a falar da obra “Cem anos de solidão”, de Gabriel Garcia Marquez.

Outro dos grandes destaques do Lisboa na Rua é o regresso do CineCidade, desta vez com filmes ao ar livre no Jardim Zoológico de Lisboa, que celebra 135 anos. “Up – Altamente“ (6 de setembro), “O Feiticeiro de Oz” (13 de setembro), “Indiana Jones – Os salteadores da arca perdida” (20 de setembro) e “Parque Jurássico” (27 de setembro) serão os filmes exibidos.

Música é coisa que também não faltará durante esta edição. Por exemplo, o jardim do Campo Grande terá jazz nas tardes de sábado, o Jardim da Estrela recebe um concerto dos Real Combo, dia 7 de setembro, e o Vale do Silêncio serve de palco à Orquestra Gulbenkian, a 14 de setembro.

Já o ciclo Sou do Fado (dias 5, 12, 19 e 26 de setembro) promete levar grandes nomes da música a diversos jardins da cidade, como Maria Ana Bobone, Duarte, Hélder Moutinho e Cristina Branco.

Publicidade

Para quem gosta de descobrir os recantos (mais ou menos) secretos da cidade, também não faltará uma nova edição da Open House (dias 21 e 22 de setembro), enquanto o Teatro Nacional D. Maria II abre as portas uma semana antes (dias 14 e 15 de setembro) com espetáculos, visitas guiadas e exposições à borla.

Os festivais “Lisboa Soa” (12 a 15 de setembro), “Estes Romanos estão loucos” (13 a 15 de setembro) e “Chapéus na Rua” (13 a 15 de setembro) são outros eventos que não deves perder.

Mas porque são tantas as propostas deste Lisboa na Rua, não há nada como conheceres aqui o programa completo, com final agendado para o dia 29 de setembro. Como sempre, a entrada é gratuita.

Foto: @CulturanaRuaEGEAC

Foto de capa: Lince_bordaloII-Foto-@aazevedo