×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...
Notícias

Os Censos 2021 arrancaram esta semana e são de resposta obrigatória

Valter Leandro Valter Leandro - Editor

Os Censos 2021 arrancaram esta semana e são de resposta obrigatória

Os famosos Censos arrancaram esta semana em todo o país. Fica atento à tua caixa de correio. 📬

Começaram a ser distribuídas esta semana as cartas que dão acesso ao questionário Censos 2021, cuja resposta é obrigatória. Quem não o fizer poderá incorrer numa multa, avultada.

O que são os Censos?

Feitos de dez em dez anos, estes questionários têm como objetivo caracterizar a população do país a nível social, económico, cultural, religioso e também as condições de habitabilidade.

O presidente do INE, Francisco Gonçalves de Lima define os Censos como:

(…) informação estrutural da população portuguesa.”

Vista aérea de uma zona da cidade de Lisboa | Foto por João Reguengos

Por exemplo, há perguntas sobre quem vive na mesma habitação, mas também sobre a habitação em si: o tipo de aquecimento que possuis, o número de divisões, se está preparada para cadeiras de rodas, entre várias outras questões. Esta é uma forma de espelhar a realidade do país ao nível da habitação.

Operacionalização dos Censos 2021

Entre os dias 5 e 19 de abril deverás receber em tua casa uma carta que tens de guardar até ao dia 19 de abril, data em que se iniciam os questionários.

Esta carta contém os códigos que te darão acesso ao questionário online dos censos 2021, tão importantes para percebermos o estado real do país.

Se não não puderes ou conseguires responder online, é também possível responder ao inquérito via telefone, no e-balcão da tua junta de freguesia ou através do preenchimento em papel. Contudo, deverás sempre esperar que a carta te chegue a casa, onde encontrarás todas as instruções.

Publicidade

Foto por Pixabay

Dada a importância dos censos, estão previstas multas a quem não colaborar na resposta ao questionário.

Segundo os nºs 2 a 6 do artigo 27º da Lei nº 22/2008 estão previstas coimas até 25 mil euros, no caso de se tratar de um particular, ou 50 mil euros, caso se trate de uma empresa.

Há 10 anos, cerca de metade dos inquéritos foram já respondidos online, pelo que este ano é esperado que este número seja ultrapassado em larga escala.

Esta é uma enorme operação estatística em Portugal e sobre Portugal, que deverá ficar concluída apenas no próximo ano.

Para os Censos 2021 estão envolvidas cerca de 16 mil pessoas que irão reunir esforços, de forma a chegarem a todas as habitações de Portugal.

Colabora nesta fotografia que vai ser tirada ao país e responde ao questionário dos Censos 2021, a partir de 19 de abril.

Foto de capa: Reiseuhu