Bootcamp: o novo método de ensino que pode mudar a tua vida

Se a palavra bootcamp só te faz lembrar treinos militares, horas a rastejar na lama e muitas, muitas flexões, esquece tudo o que estás a pensar. Agora, vamos falar-te de outro tipo de bootcamps: os da Ironhack, uma escola de tecnologia internacional que acaba de chegar a Portugal.

Estes também são intensos e exigentes mas, acredita, podem ter o que faltava para dares um boost ao teu futuro.

Desde logo, porque não exigem um título académico prévio. Nestas formações, não há hierarquias. Qualquer um, desde que tenha vontade de aprender, pode inscrever-se, tendo de passar apenas por uma entrevista pessoal e técnica.

Por enquanto, a Ironhack tem cursos tech nas áreas de Programação web, Design UX/UI e Análise de dados mas, antes de os conhecermos melhor, vamos lembrar-te as vantagens destes bootcamps.

A primeira é a sua curta duração – cerca de 3 meses -, o que te permite aprender depressa e bem, sem precisares de adiar os teus projetos e ambições mais imediatas. Se preferires, também podes conciliar com o teu emprego (ou aulas), optando por um regime part time de 24 semanas.

Foto: Ironhack

Mas será que conseguimos aprender tudo num espaço de tempo tão curto? Sim, desde logo porque são bootcamps intensivos, imersivos e muito focados na prática. Ou seja, é ensinado apenas o que as empresas tecnológicas exigem e o que o mercado procura.

Além disso, há uma interação muito próxima com os professores, desafios orientados para os objetivos (tal como nas empresas), métodos semelhantes aos da indústria e, muito importante, feed back imediato.

Com este método, não precisas desperdiçar horas e horas a partir pedra (o mesmo quer dizer quebrar código), porque haverá sempre alguém para te ajudar a perceber como tudo se encaixa.

Esquece o ensino tradicional. Esse fica para os cursos universitários. Aqui trata-se de uma corrida de 100 metros. Intensa, desafiante e… entusiasmante. E a meta pode muito bem ser um novo (e melhor pago) emprego.

90% de empregabilidade: chegou a vez de Portugal

Depois de cidades como Barcelona, Madrid, Londres, Paris, Amesterdão, São Paulo, ou Miami, a Ironhack chegou a Lisboa para revolucionar o ensino tech com um método que já tem provas dadas.

Os mais de 2.200 alunos que passaram pelos diversos cursos desta escola são um indicador, mas bom bom é o nível de empregabilidade média a rondar os 90%. Sim, leste bem. Depois destas formações, 9 em cada 10 alunos conseguiu emprego.

Ah! E todos os cursos têm uma Semana da Contratação, onde grandes empresas vão conhecer (e contratar) os alunos.

Foto: Iron Hack

Com o boom tecnológico que Portugal está a passar (e consequente falta de profissionais especializados) até elas agradecem. No fundo, é uma relação win-win em que todos saem a ganhar.

Se já estás a esfregar as mãos, toma nota dos três bootcamps disponíveis e dos temas que cada um aborda:

1. Web Development
– Front-end introduction (HTML, CSS, Javascript)
– Back-end (NodeJS – Express – MongoDB)
– The leading front-end framework developed by Facebook: ReactJS
– Develop a full-stack project

2. User Experience & User Interface (UX-UI) Design
– UX: Fundamentals of user research, information architecture and interaction design
– UI: Sketch & Design Systems
– Front-end fundamentals (HTML, CSS)
– Full-stack design project

3. Data Analysis
– Introduction to Data Analytics and Data Engineering
– Advanced Data Analytics: A Deep Dive (Pandas, Phyton)
– Advanced Data Engineering: Fundamentals of Machine Learning

Foto: Iron Hack

A pronto pagamento, às prestações ou… só depois do curso?

Por esta altura, já deves estar a perguntar quanto é que tens de pagar por um bootcamp destes, não é? Vamos então às contas.

A matrícula custa 6.000 euros e já tem todas as despesas incluídas. Mas há várias opções de financiamento que ajudam a suavizar o investimento, seja com mensalidades de 200 euros ou mesmo com a possibilidade de pagar tudo depois de concluído o bootcamp.

A Ironhack também criou bolsas para residentes em Portugal e para mulheres por isso, se for o teu caso, é sempre uma opção a considerar.

Contas feitas, quanto vale um futuro melhor? Inscreve-te já!

Foto de capa: Ironhack

Tags:

';return t.replace("ID",e)+a}function lazyLoadYoutubeIframe(){var e=document.createElement("iframe"),t="https://www.youtube.com/embed/ID?autoplay=1";t+=0===this.dataset.query.length?'':'&'+this.dataset.query;e.setAttribute("src",t.replace("ID",this.dataset.id)),e.setAttribute("frameborder","0"),e.setAttribute("allowfullscreen","1"),this.parentNode.replaceChild(e,this)}document.addEventListener("DOMContentLoaded",function(){var e,t,a=document.getElementsByClassName("rll-youtube-player");for(t=0;t