×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...
Gastronomia

Erva: um jardim urbano com cozinha de autor

O restaurante do hotel Corinthia é verde, mas tem muita carne e peixe fresco de Peniche

Nelson Rodrigues Nelson Rodrigues

Erva: um jardim urbano com cozinha de autor

Quem disse que os restaurantes de hotel são todos iguais? O maior cinco estrelas de Lisboa quis provar o contrário e abriu um espaço que é tudo, menos monótono e sensaborão: o Erva.

Esta personalidade própria revela-se, desde logo, pela entrada independente, que não te obriga a passar pela receção, por dezenas de turistas japoneses e por outros tantos executivos.

Ok, até poderás ficar sentado na vizinhança de alguns, mas nessa altura isso já pouco importa, porque vais estar (bem) distraído com outras coisas mais importantes: a comida, claro, mas também a decoração surpreendente.

De facto, o Erva faz lembrar um jardim urbano, tantas são as plantas espalhadas pelo espaço, desde as paredes aos pequenos vasos que enfeitam as mesas. A este verde, junta-se o castanho das madeiras que forram a sala, criando um ambiente algo campestre, ainda que com um toque cosmopolita.

Foto: @ervarestaurante

Fora da caixa é também a própria ementa, assinada pelo chef Carlos Gonçalves. Ao contrário do que o nome da casa pode sugerir a alguns, este não é um restaurante vegetariano.

Da cozinha, totalmente aberta, saem pratos de autor, assentes em produtos frescos, orgânicos, da época e, sempre que possível, de produtores locais. Por exemplo, os legumes biológicos vêm da zona Oeste, enquanto o peixe é comprado na lota de Peniche.

Mas comecemos pelo início. A lista de snacks tem propostas como as Cristas de galo ou uma versão especial do Choco de Setúbal, temperado com vinagrete de citrinos e óleo picante.

Foto: @ervarestaurante

Nas entradas, o destaque vai para o Dashi de polvo seco, com ovo biológico escalfado, cogumelos, espargos brancos e bolacha de parmesão.

Já nos pratos principais, além do peixe do dia, também há, por exemplo, Pregado caramelizado, acompanhado de abóbora e nage de mexilhão, e Corvina dourada com açorda de ovas.

Publicidade

Quem preferir as carnes, vais querer provar a Pá de cordeiro com puré aligot e o Porco de raça Alentejana, com puré de bolota e raízes (uma das novidades da carta de inverno).

Foto: @ervarestaurante

Entre tanto peixe e carne, também há duas sugestões vegetarianas: Beringela gratinada com molho Karashi e Cuscuz de trigo Barbela.

No final, guarda um cantinho no estômago para as sobremesas. Queres uma sugestão? Faz como nós e prova o surpreendente Chocolate, amendoim e caramelo.

Além do restaurante, este Erva é também um bar, onde se destacam os cocktails de autor, criados pelo mixologista Nelson Antunes. E, neste campo, o nível também continua bem elevado. Brindemos, então, a restaurantes como estes.

Morada: Av. Columbano Bordalo Pinheiro,105 (Corinthia Hotel Lisbon)

Horário: De quarta-feira a domingo, das 12h30 às 1530 e das 19:0h0 à 01h00.

Foto de capa: @ ervarestaurante