Os melhores programas de cinema ao ar livre em Lisboa

O Verão pede filmes ao fresco e na calada da noite, por isso fomos à procura dos ciclos de cinema ao ar livre que acontecem por Lisboa durante esta estação.

No total, descobrimos sete eventos e dezenas de sessões para todos os gostos e idades, a grande maioria à borla. Agora que já te fizemos a papinha toda, só tens de tomar nota ou marcar na agenda. Vai um filme no escurinho… da noite?

Cine Conchas

Até 13 de julho, ainda há muitos filmes para ver ao fresco na Quinta das Conchas (Lumiar), sempre com entrada gratuita. Bem podes agradecer ao Cine Conchas que, nesta 12ª edição, volta a acontecer nas noites de quinta, sexta e sábado. Na primeira semana do mês são exibidas três películas: “Todos Sabem”, de Ashgar Farhadi (4 de julho); “Viúvas, de Steve McQueen (dia 5); e Green Book”, no dia 6.

Para fecho de cartaz, foram escolhidos os filmes “Guerra Fria, de Pawel Pawlikowski, dia 11, “Bohemian Rhapsody, de Bryan Singe e Dexter Fletcher, a 12 de julho; e a película de animação “Como Treinares o Teu Dragão”: O Mundo Secreto, de Dean DeBlois, exibido a 13 de julho.

Foto: @cineconchas

Lusco-Fusco

Polo Cultural Gaivotas, em Santos, recebe a quarta edição de um festival cheio de sugestões gratuitas e, como sempre, as sessões de cinema ao ar livre prometem ser das mais procuradas. Este ano, o pátio está reservado para 10 noites de filmes fora do mainstream, todos à borla e com início às 21h30. Entre eles estão, por exemplo, “Stuart, de Zepe; “Na Cidade Branca, de Alain Tanner; Quaresma, de José Álvaro Morais; “Ici”, de Pierre-Marie Goulet; ou Clandestino, de Abi Feijó.

Concertos, performances, peças de teatro e jantares temáticos completam o cartaz do Lusco-Fusco.

Foto: @poloculturalgaivotas

CCB de Verão

A Praça Central do Centro Cultural de Belém transforma-se numa sala de cinema improvisada para exibir oito filmes do ciclo “Os Meus Pais”, sempre aos sábados e com início às 21h30. A entrada é gratuita.

Em julho passa, “O Primeiro Homem na Lua” (dia 20), de Damien Chazell, e “Capitão Fantástico”, de Matt Ross (dia 27), enquanto em agosto poderás ver “Tudo é Projeto”, de Joana Mendes da Rocha e Patricia Rubano (dia 3), “The Florida Project”, de Sean Baker (10), “My Father The Genius”, de  Lucia Small (17), “Bambi”, (24), “Paula Rego: Histórias e Segredos”, de Nick Willing (31). O ciclo fecha em setembro com “O País das Maravilhas”, de Alice Rohrwacher, dia 7.

Foto: www.ccb.pt

Espaços que não têm lugar

A Casa da Achada – Centro Mário Dionísio, na zona do Castelo, organiza este ciclo de cinema até 26 de agosto para “interrogar os conceitos de espaço e de lugar, a partir de filmes com diferentes perspetivas”. No final, há sempre uma conversa sobre a película.

A próxima sessão, dia 8 de julho, exibe “The Edge of the World”, que retrata o despovoamento da ilha escocesa de Hirta. Do cartaz destacam-se também “O Anjo Exterminador”, “Queres ser John Malkovich?” e “Laços Eternos”. As sessões começam às 21h30, sempre com entrada gratuita.

Foto: www.adorocinema.com

Cinema no Verão

As noites de verão nos jardins das Amoreiras e do Torel voltam a ter cinema ao ar livre e à borla, com filmes para todos os gostos. Este ciclo arranca a 6 julho nas Amoreiras, com a película “Billy Elliot“ e por lá fica até ao final do mês para exibir “Mamma Mia!” (dia 13), “Dreamgirls” (dia 20) e “Moulin Rouge” (dia 27).

Em agosto, a iniciativa muda-se para o Jardim do Torel com os filmes “Space Jam” (dia 3), “Spaceballs” (dia 10), “Parque Jurássico” (dia 17), “Quem Tramou Roger Rabbit” (dia 24) e o “Rei dos Gazeteiros” (dia 31). Em ambos os locais, as sessões são gratuitas e começam às 21h30.

Imagem: Freguesia de Santo António

Cinema ao ar livre no Areeiro

O Jardim Fernando Pessa, junto à Avenida de Roma, recebe quatro sessões de cinema ao ar livre entre os meses de julho e setembro, todas gratuitas. A primeira está marcada para o dia 15 de julho, às 21h00, com o filme “A Ressaca – Parte II”. Depois, seguem-se mais três sessões, a 27 de julho, 24 de agosto e 21 de setembro (o cartaz ainda não foi revelado).

A organização é da Junta de Freguesia do Areeiro e as entradas são sempre gratuitas.

Foto: @jfAreeiro

Cine Society

O Topo Chiado, junto às Ruínas do Carmo (Lisboa) e o Blue Bar, do Hotel Baía, em Cascais, foram os locais escolhidos para receber as sessões de cinema com as melhores vistas da região. Estamos a falar do Cine Society, pois claro, que já tem programa marcado até outubro.

“Quatro Casamentos e um funeral” (3 de julho), “Into The Wild” (4 de julho), “Birdman” (10 de julho) e “A Star is born” (11 de julho) são os próximos filmes exibidos em Lisboa, enquanto em Cascais podes ver em breve “Eat Pray Love” (2 de julho), “Breakfast at Tiffany`s (dia 9) e “Love Actually” (dia 16). Além das tradicionais pipocas, durante as sessões também vais poder beber cocktails e pedir umas tapas para compor o estômago.Os bilhetes individuais custam 12€ e incluem um lugar sentado e um par de auscultadores sem fios.

Foto: @cinesocietylisbon

Foto de capa: @cinesocietylisbon

 

 

';return t.replace("ID",e)+a}function lazyLoadYoutubeIframe(){var e=document.createElement("iframe"),t="https://www.youtube.com/embed/ID?autoplay=1";t+=0===this.dataset.query.length?'':'&'+this.dataset.query;e.setAttribute("src",t.replace("ID",this.dataset.id)),e.setAttribute("frameborder","0"),e.setAttribute("allowfullscreen","1"),this.parentNode.replaceChild(e,this)}document.addEventListener("DOMContentLoaded",function(){var e,t,a=document.getElementsByClassName("rll-youtube-player");for(t=0;t