5 exposições imperdíveis em Lisboa

Março, marçagão, vamos a uma exposição?

Agora que o inverno está quase a seguir para outras paragens e antes de começares a pensar apenas em esplanadas e passeios na praia, aqui ficam algumas das melhores exposições que podes ver por Lisboa neste mês de março.  

Uma mão cheia de propostas para todos os gostos, interesses e idades, que vão levar-te pelo mundo das artes, dos animais, da ciência e da animação. Escolhe as tuas preferidas e marca já uma visita ao museu.

Hello, Robot

Será que os robots vão ser os nossos melhores amigos ou, mais cedo ou mais tarde, irão revoltar-se contra o Homem e dominar o Mundo? A nova exposição do MAAT não pretende responder propriamente a esta (e outras perguntas), mas deixa-nos a pensar sobre elas e, sobretudo, na incrível evolução tecnológica que os robots tiveram nas últimas décadas.

Aqui, vais poder descobrir mais de 200 peças, entre objetos de design, robots utilizados em casa, na indústria ou na saúde e até alguns clássicos, como os tamagochi. Lembras-te deles? “Hello Robot!” está patente no MAAT até 20 de maio. A entrada custa 5€.

Foto: @maatmuseu

Cérebro: Mais Vasto que o Céu

A nova exposição da Gulbenkian promete ser a grande estreia do mês de março. Desde o dia 16 até 10 de junho, a mostra “Cérebro: Mais Vasto que o Céu” vai revelar-te os segredos e mistérios do nosso órgão mais complexo.

Um cérebro com 500 milhões de anos e outro moderno, dois neurónios gigantes ou um jogo de futebol mental são algumas das atrações desta mostra. Mas a maior de todas promete ser “A Orquestra de Cérebros”, uma instalação multimédia em que quatro pessoas podem ver e ouvir, em simultâneo, a sua atividade cerebral.

Foto: <@gulbenkian.pt

Carybé – Aquarelas do Descobrimento

O Palácio da Independência, junto ao Rossio, recebe até 4 de maio esta exposição de Carybé, um dos artistas plásticos que melhor representaram o Brasil. A mostra é composta por 52 obras inspiradas na carta de Pero Vaz de Caminha, que conta à Coroa de D. Manuel os descobrimentos feitos pela frota de Pedro Álvares Cabral.

Estes trabalhos evocam, por exemplo, o avistar das terras de Vera Cruz, o primeiro contato entre portugueses e índios; a troca de culturas; a primeira missa; e o pau-brasil, entre outos acontecimentos.

“Aquarelas do Descobrimento” tem curadoria de Solange Bernabó, filha de Carybé, que apresenta assim o seu trabalho: “foi um exímio desenhista e aquarelista, arte aparentemente simples, mas que exige maestria técnica e não permite correções. Partindo do relato escrito por Caminha, usou sua imaginação e conhecimento, para transformá-lo em imagens, dando-nos a sensação de termos testemunhado os acontecimentos que há mais de cinco séculos deram origem ao Brasil”. A entrada na exposição é gratuita.

A Magia dos Estúdios Aardman

Até 21 de maio, o Museu da Marioneta recebe esta exposição dedicada aos estúdios Aardman, de onde saíram séries tão famosas como “Wallace & Gromit”, “Ovelha Choné” ou “A Fuga das galinhas”.

Vais poder ver 47 marionetas, oito cenários, vários storyboards, desenhos e esboços de produções. Visitas de terça-feira a domingo, entre as 10h00 e as 18h00. A entrada é gratuita.

Photo Ark

Até 5 de maio, a Cordoaria Nacional e a National Geographic apresentam mais de uma centena de fotos de animais, assinadas por Joel Sartore. O fotografo norte-americano assumiu a omissão de retratar todas as espécies em cativeiro do mundo e algumas das mais icónicas estão nesta mostra.

Uma dúzia delas foram tiradas em Portugal, como a de um lbo-ibérico, a de uma girafa-de-angola ou a de uma toupeira de água captada no Douro, a espécie 8.000 desta arca fotográfica.

Ainda não foste até lá? Embarca já nesta arca fotográfica.

Foto: @NatGeoPhotoArk

Foto de capa:@maatmuseum

Tags:

';return t.replace("ID",e)+a}function lazyLoadYoutubeIframe(){var e=document.createElement("iframe"),t="https://www.youtube.com/embed/ID?autoplay=1";t+=0===this.dataset.query.length?'':'&'+this.dataset.query;e.setAttribute("src",t.replace("ID",this.dataset.id)),e.setAttribute("frameborder","0"),e.setAttribute("allowfullscreen","1"),this.parentNode.replaceChild(e,this)}document.addEventListener("DOMContentLoaded",function(){var e,t,a=document.getElementsByClassName("rll-youtube-player");for(t=0;t